Você sabe o que é skincare? Descubra o significado do termo e como fazer!

06/11/2021 Imagem do blog de Mantecorp Skincare, do post Você sabe o que é skincare? Descubra o significado do termo e como fazer!

Skincare. Essa palavra, que pode ser traduzida como “cuidados da pele” conquistou seu espaço no mercado da beleza e saúde e mostra que chegou para ficar. 

Mas será que ter um ritual de skincare é o mesmo que cuidar da pele diariamente? O que significa skincare? O que precisa para fazer skincare? Fique tranquilo, pois estamos aqui para acabar com as suas dúvidas sobre o assunto! Continue a leitura para entender exatamente o que é skincare. 

O que é skincare? 

Se você esperava uma grande revelação sobre o que é skincare, sentimos dizer que a verdade não é tão inovadora.  

Pois o skincare nada mais é que uma rotina de cuidados diários da pele do rosto e também do corpo para garantir que a cútis esteja bonita e saudável. Mas é importante reforçar a importância da palavra “rotina” dentro desse conceito. 

A verdade é que nenhum produto terá um resultado miraculoso do dia para a noite. Apenas com uma aplicação diária por um período de tempo que a pessoa começará a identificar os benefícios que esse ritual terá na pele e se o efeito dele é realmente o desejado por ela. 

Olha só, por exemplo, como é o skincare da Yasmim Stevam: 

https://www.instagram.com/tv/B_Ffz0AHDZi/

Para fazer um bom skincare, é importante saber seu tipo de pele 

De nada adianta gastar milhares de reais em produtos, se eles não forem os adequados para o seu tipo de pele. Ter esse conhecimento é importante não só para melhor se adaptarem às necessidades da sua pele, como também para evitar reações contrárias. 

De acordo com a Sociedade Brasileira de Dermatologia, existem quatro tipos de pele: 

  • Normal: o sebo é produzido em quantidade suficiente para hidratar a pele sem deixá-la oleosa. Apresenta uma textura macia e possui poros menores e menos visíveis; 
  • Oleosa: essa pele é mais predisposta a ter acnes, cravos e poros dilatados, já que o sebo é produzido além da quantidade necessária para hidratação, fazendo com que ela tenha um brilho excessivo; 
  • Seca: como o sebo é produzido em uma quantidade menor do que a necessária para hidratar a pele, ela não costuma ter brilho. É mais propensa à descamação e à vermelhidão, e seus poros são pequenos; 
  • Mista: esse é o tipo de pele mais comum entre os brasileiros. Enquanto a “zona T” (testa, nariz e queixo) é oleosa, outras regiões são mais secas. 

Ficou com dúvidas sobre qual é o tipo que melhor se encaixa à sua realidade? Essa definição pode ser feita com a ajuda de um dermatologista, que realizará uma avaliação cuidadosa da pele e indicará os produtos adequados para limpar a sua cutis. 

Como e o que precisa para fazer skincare? 

Agora que você já sabe o que é skincare, vamos olhar quais são os passos – e os produtos – necessários para adotar um hábito mais saudável à pele? 

Primeiro passo: limpar a pele 

Por sua simplicidade, ele pode parecer quase que banal. Mas a verdade é que limpar a pele é um dos passos mais importantes que você pode fazer para ter uma cútis bonita e saudável. 

Durante o dia, diversas impurezas se depositam na nossa pele, como partículas de poluição, suor, bactérias, resíduos de maquiagem e cremes – sem contar nas células mortas e secreções produzidas pelo próprio corpo. 

E são essas impurezas que podem causar obstrução dos poros, processos inflamatórios e até mesmo cravos, espinhas e miliuns (pequenas bolas de sebo). Por isso, a recomendação da Sociedade Brasileira de Dermatologia são duas limpezas de pele por dia – uma de manhã e uma à noite. 

Além disso, é importante escolher um sabonete adequado para o seu tipo de pele para garantir que a sua pele não será danificada no processo de limpeza.  

Na Mantecorp Skincare, empresa de dermocosméticos que há mais de quarenta anos estuda a pele brasileira para criar produtos eficazes e seguros, são três as opções de produtos para limpeza de pele: 

Glycare: boa opção para limpeza de peles normais e mistas. Esse sabonete promove uma limpeza diária com a ação do ácido glicólico, que dissolve o sebo e outras substâncias promovendo uma descamação sutil, o que acelera a renovação celular e estimula a produção de colágeno. 

Glycare Duo: esse produto pode ser utilizado diariamente como sabonete para limpeza profunda e semanalmente como máscara para intensificar a melhora da textura e uniformidade da pele. 

Epidac OC: ótima opção para peles oleosas e acneicas, já que ele limpa profundamente a pele, controlando a oleosidade por até 12 horas, sem causar irritações ou ressecamentos. Entre os ingredientes do Epidac OC está o ácido salicílico, que promove a esfoliação suave e previnem o aparecimento de lesões da acne.  

Segundo passo: hidratar a pele 

Um dos principais mitos relacionados aos cuidados da pele é que as peles oleosas não precisam de hidratação. Mas não se engane: todos os tipos de pele precisam de hidratação. 

O importante, nesse caso, é se certificar que o hidratante é o correto para o tipo de pele da pessoa. Se sua pele é oleosa, por exemplo, a preferência deve ser por produtos oil free, ou seja, sem óleo na composição. Um ótimo exemplo é o Epidrat Mat FPS 30

Com FPS 30, sua fórmula possui uma combinação de ativos hidratantes, antioxidantes e matificantes que controlam a oleosidade e o brilho da pele. Já a sua textura leve e fluída garante uma rápida absorção com um toque seco. Ele também oferece uma versão com cor para a cobertura natural com efeito uniformizador e proteção contra luz visível. 

Terceiro passo: passar protetor solar 

Como estamos passando mais tempo dentro de casa, ou seja, em um ambiente fechado, muitas pessoas abandonaram o protetor solar por acreditarem que ele não é mais necessário. 

Mas é impossível responder a pergunta “o que é skincare?” sem incluir o protetor solar. Pois, de acordo com a dermatologista certificada pelo conselho da Califórnia, Joyce Park, os raios UVA podem passar por janelas.  

“As janelas de vidro padrão bloqueiam os raios UVB, mas não os raios UVA, que podem penetrar mais profundamente na pele do que os raios UVB – e são o principal fator que contribui para o fotoenvelhecimento: mudanças vistas como manchas escuras, rugas e textura envelhecida”.  

Por isso, mais uma vez, escolha o produto correto para o seu tipo de pele e para a sua necessidade de proteção. Se você passa grande parte do tempo dentro de casa, o protetor FPS 30 é suficiente para lhe proteger, como a cobertura do Epidrat Mat que citamos acima.  

Entendeu o que é skincare e como uma rotina de cuidados pode dar mais saúde e beleza para a sua pele? Se quiser aprender ainda mais sobre como cuidar da sua pele, nos siga no Instagram

Referências 

Sociedade Brasileira de Dermatologia. Tipos de pele. Disponível em: <https://www.sbd.org.br/dermatologia/pele/cuidados/tipos-de-pele/>. Acesso em: 29 mar. 2021. 

Harvard Health Publishing. Daily skin care in 3 simple steps. Disponível em: <https://www.health.harvard.edu/staying-healthy/daily-skin-care-in-3-simple-steps>. Acesso em: 29 mar. 2021. 

Sociedade Brasileira de Dermatologia. Cuidados diários com a pele. Disponível em: <https://www.sbd.org.br/dermatologia/pele/cuidados/cuidados-diarios-com-a-pele/>. Acesso em: 29 mar. 2021. 

Mayo Clinic. Good skin care — including sun protection and gentle cleansing — can keep your skin healthy and glowing. Disponível em: <https://www.mayoclinic.org/healthy-lifestyle/adult-health/in-depth/skin-care/art-20048237?p=1>. Acesso em: 29 mar. 2021. 

posts relacionados