3 passos simples e práticos para fazer uma boa limpeza de pele na adolescência

22/12/2021 limpeza de pele na adolescência

Quando a infância fica para trás começam a surgir diversas transformações nos corpos dos meninos e uma delas diz respeito diretamente à pele: o aparecimento das tão temidas espinhas. Mas você sabia que uma maneira muito efetiva de lidar com isso é investindo na limpeza de pele na adolescência?  

Além de auxiliar a diminuir as crises de acne, a limpeza de pele na adolescência ajuda a prevenir o câncer em um futuro distante e outros danos causados pela exposição do sol à pele.  

Ficou curioso? Veja na prática todas as informações que você precisa para fazer uma limpeza de pele na adolescência para meninos e meninas! 

Qual é a importância da limpeza de pele na adolescência? 

Devido às alterações hormonais, que podem iniciar a partir dos 9 anos de idade, os adolescentes, especialmente os meninos, começam a desenvolver cravos e espinhas¹. 

Nesse período, a pele se torna mais oleosa, o que facilita o surgimento da acne por conta de um processo inflamatório². 

De acordo com a Sociedade Brasileira de Dermatologia¹, a erupção de cravos e espinhas afeta entre 75% e 95% das pessoas entre 12 e 24 anos e costuma ser mais grave nos meninos. 

Diante disso, uma solução simples para prevenir a acne é a limpeza de pele na adolescência, que consiste na higienização, hidratação e proteção com o intuito de manter a oleosidade controlada, os poros desobstruídos e ao mesmo tempo preservar a hidratação da pele.  

Os meninos e as meninas podem fazer limpeza de pele na adolescência.  No entanto ela é ainda mais fundamental no caso dos rapazes, já que a sensibilidade à testosterona e um maior número de glândulas sebáceas facilitam a manifestação da acne³! 

Apesar de parecer apenas uma questão estética, os cravos e as espinhas mexem com a autoestima do adolescente, podendo afetar o lado psicológico e trazer4

  • insegurança; 
  • timidez
  • depressão; 
  • infelicidade. 

Mas atenção, essa é uma limpeza de pele caseira, e não aquela profissional que deve ser realizada por pessoas qualificadas para isso. Além dessa opção, é interessante consultar um dermatologista para ver se é necessário iniciar outros tratamentos para a acne na adolescência.  

Entendeu a importância da limpeza de pele na adolescência? Aprenda a colocá-la em prática por meio de três passos!  

Como fazer uma limpeza de pele na adolescência? 3 passos 

A limpeza de pele na adolescência é simples, eficaz e requer apenas 3 passos: higienização, hidratação e proteção! Ela deve ser feita duas vezes por dia, de preferência de manhã e à noite.  

Mas com quantos anos se pode fazer uma limpeza de pele? O ideal é introduzir esse tipo de cuidado na rotina o mais cedo possível, quando a adolescência se inicia, por volta dos 10 anos de idade. No entanto, se você tiver alguma dúvida específica, o melhor é consultar um dermatologista.  

Confira os passos abaixo!  

1 – Higienização 

A higienização ou limpeza é o primeiro passo nessa rotina de cuidados dos adolescentes. No caso dos meninos, é importante usar um sabonete líquido masculino, ideal para peles mais oleosas, que vai remover as sujeiras acumuladas ao longo do dia e desobstruir os poros5.  

Isso é essencial para evitar que o poro fique obstruído e inicie um processo inflamatório que leva a uma espinha!  

2 – Hidratação  

Apesar da pele dos meninos ser mais oleosa, ela também precisa de hidratação! Isso porque um creme hidratante é responsável por manter a hidratação da pele. 

Também é papel da hidratação conservar as fibras elásticas e colágenas da face, garantindo o equilíbrio e o brilho adequados da pele5

Além disso, é indispensável beber bastante água, mantendo a hidratação do corpo.  

3 – Proteção  

Por fim, os meninos devem investir na proteção contra os raios UVA e UVB. Embora o câncer de pele seja mais comum a partir dos 60 anos de idade, ele é, em geral, resultado da exposição inadequada ao sol na infância e adolescência6

A Sociedade Brasileira de Dermatologia indica que cerca de 75% da exposição acumulada durante a vida ocorre até os 20 anos de idade6! Ou seja, deu para perceber a importância de usar um protetor solar não é mesmo?  

Além de proteger contra o câncer, o protetor ainda atua contra o fotoenvelhecimento da pele5.  

O recomendado é passar um produto de FPS no mínimo 30 e reaplicá-lo a cada duas ou três horas, dependendo do nível de suor, atividade física e uso dentro da água5. Outra dica vital é evitar o sol das 10h às 16h.  

Agora que você já sabe com quantos anos pode fazer limpeza de pele e como cuidar da pele na pré-adolescência e adolescência, veja quais produtos utilizar. 

Quais produtos os meninos devem utilizar em uma limpeza de pele na adolescência? 

Para colocar em prática uma limpeza de pele na adolescência, é preciso investir em produtos adequados, que não sejam agressivos e que combatam a oleosidade e a acne.  

Pensando nas especificidades da pele masculina brasileira, a Mantecorp Skincare, uma empresa criada por dermatologistas e que atua há 40 anos no mercado nacional, criou a linha Urby Men.  

Nela, os meninos encontram três soluções para a sua limpeza de pele cotidiana:  

  1. sabonete para rosto e corpo: controla a oleosidade ao mesmo tempo que limpa sem ressecar e promove a renovação celular, essencial para evitar a acne; 
  2. hidratante: acalma a pele, melhora a vermelhidão, elasticidade e suavidade, além de restaurar a barreira cutânea após o ato de se barbear para aqueles que já estão removendo os pelos da face;  
  3. loção facial 4 em 1: fornece uma proteção UVA/UVB e IVA com seu FPS 30 e favorece o controle da oleosidade. O seu toque seco e a sua textura leve e não oleosa a tornam ideal para a prática de atividades esportivas, especialmente para os adolescentes.  

Conheça melhor as nossas soluções no site!  

Referências consultadas:  

1. Departamento Científico de Adolescência. Guia Prático de Atualização – Acne na adolescência. Sociedade Brasileira de Pediatria. Nº9, novembro, 2018. Disponível em: <https://www.sbp.com.br/fileadmin/user_upload/_21370c-GPA_-_Acne_na_adolescencia.pdf>. Acesso em: setembro, 2021. 

2.  Villa DD. Problemas Dermatológicos nos Adolescentes – Dr. Damiê de Villa. Sociedade Brasileira de Dermatologia Secção RS. Disponível em: <https://sbdrs.org.br/palavra-do-dermato-problemas-dermatologicos-nos-adolescentes/>. Acesso em: setembro, 2021. 

3. Sociedade Brasileira de Dermatologia. Dia dos Pais: SBD orienta os homens sobre cuidados com a pele, unhas, cabelos e barba. 11 agosto, 2017. Disponível em: <https://www.sbd.org.br/noticias/dia-dos-pais-sbd-orienta-os-homens-sobre-cuidados-com-pele-unhas-cabelos-e-barba/>. Acesso em: setembro, 2021. 

4. Sociedade Brasileira de Dermatologia. Acne. Disponível em: <https://www.sbd.org.br/dermatologia/pele/doencas-e-problemas/acne/23/>. Acesso em: setembro, 2021. 

5. Sociedade Brasileira de Dermatologia. Cuidados diários com a pele. Disponível em: <https://www.sbd.org.br/dermatologia/pele/cuidados/cuidados-diarios-com-a-pele/>. Acesso em: setembro, 2021. 

6. Sociedade Brasileira de Dermatologia. Dezembro Laranja: dermatologistas querem crianças e adolescentes como aliados na prevenção do câncer de pele. Disponível em: <https://www.sbd.org.br/dezembroLaranja/noticias/dezembro-laranja-dermatologistas-querem-criancas-e-adolescentes-como-aliados-na-prevencao-do-cancer-de-pele/>. Acesso em: setembro, 2021. 

Imagem com as embalagens de produtos da categoria Cuidados Masculino

posts relacionados