Quais são as causas da queda de cabelo? Como evitar?

25/05/2022 causas da queda de cabelo

As causas da queda de cabelo podem ser diversas, como genética, estresse e anemia. Contudo, com algumas mudanças de hábito é possível evitar que a queda capilar se manifeste.

Além disso, caso você comece a notar a evolução desta condição, também é possível utilizar alguns tratamentos para solucionar o problema e recuperar os cabelos.

Mas, afinal, quais são os motivos para o cabelo cair?

Neste artigo você conhecerá todas as causas da queda de cabelo, que são as seguintes:

  • Alopecia androgenética
  • Falta de nutrientes
  • Trauma emocional, estresse e ansiedade
  • Gravidez
  • Menopausa
  • Alterações no funcionamento da tireoide
  • Medicamentos específicos

Além disso, também explicamos como evitar e tratar esta condição. Boa leitura!

O que causa a queda de cabelo?

1. Alopecia androgenética

Também conhecida como calvície, a alopecia androgenética é uma condição hereditária que pode ser considerada a principal causa da queda de cabelo.

De acordo com estudos, aproximadamente 40% das mulheres e mais de 50% dos homens sofrerão com esta condição após os 50 anos.

Este fenômeno acontece pela combinação de alterações hormonais com fatores ligados ao histórico familiar (genética).

Pode começar a afetar as pessoas desde a adolescência. Contudo, é só por volta dos 40 ou 50 anos que a calvície será notável.

Além disso, existe uma especificidade: a alopecia androgenética tem padrões diferentes para os homens e as mulheres.

Nos homens, a região frontal (entradas) e a coroa são as mais afetadas. Enquanto nas mulheres o cabelo todo costuma ficar mais fino.

2. Falta de nutrientes

Ter uma dieta que não supre todas as necessidades diárias de nutrientes pode ser uma causa da queda de cabelo.

Consumir a quantidade ideal de proteínas, vitaminas e minerais é essencial para evitar a queda excessiva de cabelos.

É preciso dar destaque ao ferro, mineral que ajuda no transporte de oxigênio pelo sangue e no crescimento de cabelos. A sua deficiência causa a anemia, que tem como um dos sintomas a diminuição da resistência dos cabelos.

Esta deficiência de nutrientes pode ser resolvida com uma boa revisão da dieta alimentar, mas também pode contar com aliados como suplementação alimentar por multivitamínicos. Para mulheres acima dos 50 anos, criamos o Vitasay50+ Bella.

Este é um multivitamínico desenvolvido especificamente para fornecer resistência aos cabelos e unhas usado e aprovado por milhares de mulheres no Brasil todo.

3. Trauma emocional, estresse e ansiedade

Pessoas que sofrem constantemente com estresse e ansiedade ou que passaram por traumas emocionais podem sofrer com uma queda de cabelo temporária.

O nome dado a esta situação é eflúvio telógeno, na qual se nota a queda de tufos de cabelos.

Como dissemos, é uma condição temporária, portanto pode se resolver sozinha com o tempo conforme a pessoa começa a lidar melhor com os aspectos mentais. Contudo, recomenda-se ir a uma consulta médica para avaliar o quadro e ter um diagnóstico preciso.

4. Gravidez

Após uma gravidez, geralmente, há a queda do hormônio estrógeno no corpo da mulher. Diante desta alteração hormonal, é comum que logo depois de dar à luz ocorra um excesso de queda de cabelos.

É uma condição normal e temporária que, geralmente, não demora mais do que um ano para se resolver.

5. Menopausa

A menopausa é um processo natural que costuma ocorrer com mulheres acima de 40 anos. É uma resposta orgânica do corpo ao envelhecimento dos ovários e à menor produção de diversos hormônios.

Por conta dessa alteração hormonal intensa, o organismo causa diversas mudanças perceptíveis. E um dos sintomas é a queda de cabelo.

Neste caso, a queda de cabelo é temporária e passa com o tempo, assim como acontece com a gravidez.

6. Alterações no funcionamento da tireoide

Como deu para perceber, alterações hormonais costumam estar diretamente relacionadas com a queda de cabelo. Este é mais um caso.

A tireoide é uma pequena glândula localizada na base do pescoço que faz parte do sistema endócrino. Ela é a responsável pela regulação de todo o metabolismo por meio dos hormônios T3 e T4. Além disso, a tireoide também é estimulada por um hormônio: o TSH.

Duas doenças crônicas podem ser desenvolvidas caso haja algum problema com estes hormônios: o hipertireoidismo, que é o excesso de hormônios, e o hipoterioidismo, que é a falta de hormônios.

Por conta destas condições, o organismo acaba não absorvendo como deveria os nutrientes necessários para o crescimento e resistência dos cabelos.

7. Medicamentos específicos

O efeito colateral de certos medicamentos pode ser a causa da queda de cabelo.

Aqui, o nível da queda varia de acordo com o remédio e com a dose.

A maioria dos fármacos que têm esse efeito são aqueles que provocam alguma alteração hormonal.

Confira uma lista com algumas das categorias de medicamentos que podem causar a queda de cabelo:

  • Tratamentos para acne
  • Anticoagulantes
  • Antidepressivos
  • Antivirais
  • Anti-inflamatórios

Como evitar a queda de cabelo?

No caso da alopecia androgenética, não há como evitar por ser uma questão genética. Contudo, para os outros casos, algumas medidas podem ser tomadas para prevenir a queda de cabelo. Elas podem parecer simples, mas são eficazes:

  • Tenha uma dieta balanceada: como foi mostrado em uma das causas da queda de cabelo, é essencial cultivar uma alimentação saudável, com todos os nutrientes necessários para o dia a dia. Se for o caso, opte por consumir um suplemento alimentar para auxiliar no tratamento.
  • Fuja do estresse: procure ter uma rotina tranquila e calma. Mas, é de conhecimento geral que nem sempre isso é possível, não é mesmo? Por isso, uma boa escolha é utilizar métodos que diminuam esse estresse como terapia, yoga e meditação.
  • Evite fazer muitos processos estéticos: escovas progressivas, colorações, permanentes, entre outras ações em excesso podem danificar seriamente o seu cabelo, causando danos irreversíveis.
  • Consulte o médico regularmente: esta é a melhor forma de saber se está tudo bem com o seu organismo e se há algum problema causando a queda de cabelo.

Como tratar a queda de cabelo?

Antes de tudo, é essencial que você vá a uma consulta médica para que a causa da queda de cabelo seja diagnosticada.

A partir disso, o seu médico irá indicar os melhores tratamentos. Existem dois medicamentos que são os principais para tratar a queda de cabelo:

  • Minoxidil: é uma substância que causa a vasodilatação e, consequentemente, estimula o crescimento de cabelos.
  • Finasteride: é um fármaco que reduz os níveis do hormônio DHT, que está associado às causas da queda de cabelo. Contudo, este medicamento é exclusivo para homens e pode trazer efeitos colaterais como diminuição da libido.

Outra saída pode ser o transplante de cabelo, que move folículos capilares de outras áreas do corpo para a região onde houve a queda.

Esta pode ser considerada a única solução definitiva para a alopecia androgenética. Porém, é uma cirurgia que necessita muita técnica e tempo, por conta disso tem um valor bem alto.

E não podemos esquecer de um grande aliado dos tratamentos: o shampoo antiqueda. A Mantecorp Skincare desenvolveu o Pielus Shampoo Antiqueda exatamente com esse intuito.

Ele possui um complexo de ativos antiqueda nanoencapsulado que aumenta a produção de energia no bulbo capilar, estimula o crescimento de novos fios e melhora a aparência geral dos cabelos.

Para complementar, também temos o Pielus Loção Antiqueda que amplia e intensifica os efeitos do shampoo. Conheça estes dois produtos e reduza a queda capilar!

Referências

Rushton DH, Norris MJ, Dover R, Busuttil N. Causes of hair loss and the developments in hair rejuvenation. Int J Cosmet Sci. 2002;24(1):17-23.

Yip, Leona. Female pattern hair loss. DermNet NZ, 2015. Disponível em: <https://dermnetnz.org/topics/female-pattern-hair-loss/>. Acesso em: 16 dez. 2020.

Moore, Kristeen. Everything You Need to Know About Hair Loss. Healthline, 2019. Disponível em: <https://www.healthline.com/health/hair-loss>. Acesso em: 16 dez. 2020.

Cole, Gary W. Hair Loss in Men and Women (Alopecia). MedicineNet, 2019. Disponível em: <https://www.medicinenet.com/hair_loss/article.htm>. Acesso em: 16 dez. 2020.

Sissons, Beth. Causes and treatments for hair loss. Medical News Today, 2019. Disponível em: <https://www.medicalnewstoday.com/articles/327005>. Acesso em: 16 dez. 2020.

Mayo Clinic. Hair loss. 2020. Disponível em: <https://www.mayoclinic.org/diseases-conditions/hair-loss/symptoms-causes/syc-20372926>. Acesso em: 16 dez. 2020.

Huizen, Jennifer. Everything You Should Know About Menopause. Healthline, 2020. Disponível em: <https://www.healthline.com/health/menopause>. Acesso em: 16 dez. 2020.

Imagem com as embalagens de produtos da categoria Cabelos

posts relacionados